sábado, 28 de novembro de 2009

Editando um Perfil

Quem sou eu?

Eu sou muito franca
Não sou boa das vistas
Agora, sou uma blogueira
Mas já escrevi pra revistas...


De profissão, sou arquiteta
Desenho e faço esculturas
Posso pintar o sete
E fazer miniaturas...


Entendo tudo de gatos
Já fui péssima cozinheira
Levo tudo numa boa
Nunca perco a estribeira...


Tenho os meus cachorros
Minha vida é uma correria
Nesse mato tem coelha!
Passo noites de vigílias...


Quero dar o meu recado
Para ninguém duvidar
Sou uma mãe cuidadosa
Sou a raínha do lar...


De tudo, dou conta de tudo
Adoro o computador
Sou do Rio de Janeiro
Viva o Cristo Redentor!
Tenh dito!

15 comentários:

  1. Essa é mole João... é a Leila ..
    Parbéns, lindo poema, como sempre!

    ResponderExcluir
  2. Eu concordo com o Wander.chef, João. Essa está fácil. Só pode ser a Leila! E fico encantada: que facilidade para fazer poesias lindas e encontrar rimas. Lindo poema, como sempre! Abs Denize

    ResponderExcluir
  3. Saudações!
    Amigo João Batista,
    Uma poesia muito bem construída em cima de uma personagem muito especial...
    Nas entrelinhas do belo poema penso ser uma homenagem a nossa amiga, Leila.
    Parabéns pela magnífica homenagem e poesia!
    Abraços fraternos,
    LISON.

    ResponderExcluir
  4. João,
    Não tem nada que enganar! É a Leila!
    Tenho a certeza. Já ganhei! Dá cá o prémio!!...
    eheheheh
    Grande abraço
    Luísa

    ResponderExcluir
  5. Olá amigo João, O grande poeta!

    Concordo com os demais, é nossa querida amiga Leila.
    Carinhoso e fraterno abraço,
    Lilian

    ResponderExcluir
  6. João,

    Pela descrição, eu acredito ser a amiga Leila...

    Será que acertei?

    Bjs.

    Rosana.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Oi João,

    Fiquei super feliz e emocionada por você ter criado esta poesia pra mim!!! Ninguém nunca fez uma poesia pra mim antes! E parece que vc fez uma boa descrição porque todo mundo descobriu logo!

    No primeiro artigo que escrevi do meu blog eu escrevi que não ia falar muito de mim pra começar porque iriam realmente me conhecer pelo que escrevo. E é verdade.

    Obrigada por ter pensado em mim.

    Um abração

    Leila

    ResponderExcluir
  9. 0i
    Joao
    adoro da maneira como tu escreve
    num ee enjuativo,
    a gente vai lendo,
    e da gosto,
    bjs

    ah

    meu msn ta fraco acho que vou ficar no yahoo, fazer o q???

    ResponderExcluir
  10. Olá João,
    Já foi comprovado que é da nossa amiga Leila, resta parabenizá-lo pelo belo poema.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  11. João, eu não vou chutar porque li os comentários e já sei que é a Leila.
    A poesia, como sempre, é intrigante e genial. Voce realmente sabe usar
    as palavras para mexer com nossa memória!

    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Olá João,

    Você é bom trovador,
    e rima como ninguém.
    o perfil está um primor
    merece meus parabéns.

    Um abraço,
    Dalinha Catunda

    ResponderExcluir
  13. Meu caro amigo poeta,
    Você jamais irá plagiar,
    Pois Deus lhe deu o dom,
    De seu próprio versejar.
    Você já tem a receita,
    Se a sujeira não aceita
    É só começar a rimar.
    Um abraço,
    Dalinha

    ResponderExcluir
  14. haha está bem feito. vê-se logo quem é :)))

    abçs

    ResponderExcluir